SAÚDE

Dirigente do HNSD pede apoio para o Serviço de Hemodiálise

25/06/2024 12:00




 Assistente da Provedoria do Hospital de Nossa Senhora das Dores/HNSD, José Maurício Morais Castro fez apelo, na Tribuna Livre da Câmara de Vereadores, em 20/6, pela indicação de recursos para melhorias no Serviço de Hemodiálise da instituição.
 
Segundo Maurício, o Hospital atende cerca de 200 pacientes/mês e diversos equipamentos  (máquinas que funcionam como um rim artificial) devem ser substituídos "pelo tempo de uso, entre outros fatores, a despeito de manutenção preventiva e corretiva que garantem total segurança do tratamento".
 
O representante do Hospital sugeriu que os vereadores destinem parte de suas emendas impositivas para viabilizar a troca dos aparelhos de filtragem e depuração de substâncias tóxicas.
 
Maurício também pediu apoio ao projeto pelo qual o HNSD pretende processar insumos necessários para a execução do serviço de hemodiálise.
 
“Hoje, temos um gasto mensal em torno de R$ 129 mil com 1.537 litros de solução (ácido e básica) destinada a atender 123 pacientes. Para os 82 pacientes de terças e quintas, são mais 1.025 litros de solução. O consumo é muito alto e o preço também, com reajustes imprevisíveis”, relatou ele.
 
Conforme seu raciocínio, a produção própria da solução (contendo eletrólitos, glicose e um ácido orgânico) proporcionará economia significativa de recursos, variando entre 30% e 40%. O investimento na hemodiálise e na produção de insumos é de R$ 757 mil, disse Maurício.
 
Os vereadores agradeceram a presença do representante, elogiaram o trabalho desenvolvido pelo Hospital e questionaram tirando dúvidas sobre o projeto e a existência de filas para atendimento em outros setores do HNSD.
 






UID:11659355/18/07/2024 10:44 | 0