CIDADE

Na praça de Palmeiras, outra tentativa de homicídio

09/10/2017 12:30




Mateus de Bortolo Prata, 25 anos, do bairro Rosário, recebeu tiro na nádega esquerda às 20h50 desse domingo (8/10), numa das laterais da praça de Palmeiras, onde ele estava encostado em sua moto Honda Falcon (placa não informada no resumo policial).

O atirador era o carona de outra moto, uma Honda CG 150 de cor preta, cujo condutor acelerou sem permitir a identificação. Populares informaram à PM que o carona desembarcou e efetuou três tiros acertando Mateus e a moto. Quando este rapaz correu, mesmo ferido, o atirador teria acionado de novo o gatilho, mas a arma teria falhado.

Houve pânico na praça, pois os tiros ocorreram ao lado do local onde ficam os brinquedos usados por crianças (foto). Quando a primeira equipe da PM chegou ao local, deparou com marcas de sangue (e uma perfuração à bala) na moto de Mateus.

A vítima já havia sido levada para o Hospital Arnaldo Gavazza/HAG por populares, havendo medicação e liberação ainda no fim da noite. Mobilizaram-se viaturas para - em diligências infrutíferas - tentar a localização dos suspeitos.

O caso foi repassado à Polícia Civil para demais investigações depois da oitiva de Mateus. Ele contou aos militares que conversava com amigos quando um indivíduo, usando capacete, desembarcou da outra moto, atirou e fugiu na garupa daquele veículo. Ele garantiu que não possui desavenças que pudessem motivar o atentado

Caso recente

Em 19/8, Matheus Dias Moreira Melo (Gororoba), 18 anos, do bairro Triângulo, recebeu três tiros na mesma praça, ficou internado no Hospital Gavazza e obteve alta dias depois. O atirador fugiu em meio ao pânico dos usuários daquele espaço público e de quem participava de Encontro Nacional de Motociclistas numa lateral da praça.