SAÚDE

Os quatro tipos de câncer que mais atingem os brasileiros

09/06/2017 07:00




Dr. Marcelo Pimenta Fernandes Lima - Cirurgião-Oncologista e Mastologista
CRM/MG 29032  -  Atende pelo Plamhag do Hospital Arnaldo Gavazza
Consultório - Av. Dr. Otávio Soares, 41/Sala 311 - Palmeiras/Ponte Nova
Fone:  (31) 3817-5551   *   e-mail: marcelopflima@gmail.com
 
 
Com todo o avanço da medicina e a cura ser cada vez mais possível, o diagnóstico de câncer sempre assusta. Segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA), a doença é a segunda causa de morte natural no Brasil, só perdendo para as doenças do aparelho circulatório. O tabagismo, o sedentarismo e a alimentação inadequada são fatores de risco para o surgimento de tumores.
 
A detecção precoce das lesões é essencial, pois possibilita a cura em mais de 90% dos casos. Seguem os 4 tipos de câncer mais frequentes nas mulheres brasileiras para você ficar de olho e se proteger contra este mal:
 
Mama - É o mais comum entre as mulheres e o segundo mais frequente no mundo (perde só para o de pulmão). No Brasil, foram registrados 52 mil novos casos no ano de 2016. A mamografia anual depois dos 40 anos é fundamental para descobrir a doença em fase inicial, possibilitando, assim, a cura da doença. Sintomas: alteração da pele da mama, nódulos nas mamas e axilas, secreção pelo mamilo e dor nas mamas (fase mais avançada).
 
Tireoide - Tumor frequente no sexo feminino. Geralmente os tumores de tireoide são pouco agressivos. Alerta para este tipo de tumor: nódulos no pescoço, história familiar de câncer de tireoide e rouquidão. Diagnóstico através de ultrassom, que nos possibilita também a punção guiada da lesão e estabelecer o diagnóstico.
 
Colo do Útero - É o segundo tipo mais frequente nas brasileiras. O principal responsável é o vírus HPV, transmitido através da relação sexual. A detecção é feita pelo papanicolau (exame preventivo). A prevenção é através da vacina contra o vírus e o sexo seguro!
 
Cólon-Reto - Tumor que tem apresentado aumento da incidência. É curável na maioria dos casos, principalmente se detectados no início (por exame de fezes), pesquisa de sangue oculto e colonoscopia. A incidência aumenta a partir dos 50 anos. Sintomas mais comuns: alteração do ritmo intestinal (diarreia/prisão de ventre), dor abdominal, sangramento ou muco nas fezes e dor na região anal.
 
Dicas importantes - A maior parte dos tipos de câncer pode ser evitada. Prevenção no caso de câncer significa mudança nos hábitos de vida! Tenha alimentação com menos gordura e alimentos industrializados. Aumente a ingestão de frutas, grãos, legumes e verduras. Não fume! Evite o consumo de álcool! Pratique atividade física! Faça acompanhamento médico regular e realize os exames para prevenção de acordo com sua faixa etária. 






UID:6900791/25/06/2017 08:59 | 0